Na tarde desta segunda-feira (2), por volta das 15h30m, uma representante da Associação Amigos dos Animais de Pirajuí compareceu à Delegacia de Polícia do município informando que no último domingo (1) foi acionada pela Polícia Militar devido ao pedido de um morador de um sítio localizado na estrada municipal Pirajuí x Água Quente, zona rural de Pirajuí, que solicitou ajuda após uma pessoa não identificada ter efetuado um disparo de arma de fogo contra seu cachorro.

Na mesma operação conjunta das Polícias Militar e Civil que deu cumprimento a um mandado de busca por tráfico de drogas em Pirajuí, um outro indivíduo foi autuado por possuir ilegalmente arma de fogo e uma pele de jaguatirica, também na manhã deste sábado (28), em Balbinos (73 quilômetros de Bauru).

No início da noite de ontem, a Santa Casa de Pirajuí (58 quilômetros), único hospital da cidade, ficou, segundo pacientes, cerca de duas horas sem atendimento. O responsável pela instituição afirma que houve uma falha de comunicação entre os médicos plantonistas. No Pronto-Socorro, havia cerca de 30 pessoas.

Em uma operação conjunta das Polícias Militar e Civil na manhã deste sábado (28), foi dado cumprimento a um mandado de prisão em Pirajuí (48 quilômetros de Bauru). Um jovem de 22 anos foi preso acusado de tráfico de drogas.

Um homem de 35 anos foi preso na sexta-feira (20) à noite em Pirajuí (58 quilômetros de Bauru) por tráfico de entorpecentes. Benigno de Melo Neto foi flagrado com 30 porções de crack, um dichavador – objeto para moer maconha -, R$ 20,00 e vários saquinhos plásticos para embalar a droga.